Seguidores

8 de set de 2013

SEQUÊNCIA DIDÁTICA: O PATINHO FEIO

LÍNGUA PORTUGUESA
ESCOLA:____________________________
NOME:____________________________
DATA:____/____/______TURMA:_______ PROFESSORA:____________________________


 

PROJETO O PATINHO FEIO

Turma: 1° ano


JUSTIFICATIVA
O trabalho com contos clássicos torna a aula mais atrativa, dinâmica e mais próxima da realidade dos alunos. Valoriza a língua como veículo de comunicação e expressão das pessoas e dos povos, abrangendo o desenvolvimento da linguagem, da leitura e da escrita.

OBJETIVOS:

Recuperar as histórias da primeira infância; Preparar a criança para a aprendizagem da leitura e da escrita, de  maneira lúdica e criativa; Trabalhar com a narração, com o corpo e a gesticulação, entonação e preparação do espaço a ser utilizado pelas crianças, ampliando os vários sentidos  da narrativa; Garantir ainda uma relação mais afetiva entre  professora e alunos e facilitar uma melhor integração no  ambiente escolar; Refletir sobre os princípios éticos, morais e culturais apresentados no vídeo, interligando-os com a  realidade atual, desenvolvendo a habilidade da argumentação; Produzir textos diversos coletivamente (narrativos, descritivos, bilhete, receitas, anúncios,); Explorar a linguagem oral e escrita.

MATERIAL

- CD da história O Patinho feio
- CD da música O Pato
- VídeoTelevisão e DVD; Diversos (sulfite, lápis de cor,
 giz de cera, cartolina,...).
- Sucatas diversas para confecção de fantoches

DESENVOLVIMENTO
- Apresentação do livro: capa, material, título, editora, ilustrações.
- Ler a história toda e mostrar as figuras;
- Apresentar a turma um patinho, onde os alunos levarão para casa, e registrarão como foi o dia com o patinho.
- Cuidar e observar o patinho diariamente na sala de aula dar um nome ao patinho
Ouvir o CD;
- Interpretação oral: os alunos contam a história, identifica os personagens, o tempo, o espaço que acontece a história (Onde? Quando?);
- Contar diferentes obras de diversos autores fazendo a comparação.
- Ouvir outras histórias como; O Pato medroso;
- Assistir o filme: O Patinho feio e fazer a comparação
com a história;
- Dramatização e teatro;
- Atividades orais e/ou escritas tais como:
- Escrita de palavras com letras móvel
- Caça-personagens
- Cruzadinha
- Seqüência com tarjas (música)
- Reescrita coletiva do texto
- Frases enigmáticas;
- Cantar a música O Pato de Vinícius de Maraes e Toquinho;
- Confecção de um livro;

TEMAS TRANSVERSAIS
Ética: Diálogo, respeito mútuo, responsabilidade,  cooperação, organização, solidariedade. Trabalho
coletivo, compartilhar descobertas. Pluralidade Cultural: Educação – Diferentes formas de transmissão de conhecimento: práticas educativas e educadores nas diferentes culturas; Cidadania: Direitos e deveres individuais e coletivos.  Literatura e tradição: línguas, dialetos, variantes e variação lingüística. HISTÓRIA GEOGRAFIA, CIÊNCIAS

ATIVIDADES: (DIRIGIDAS, ILUSTRADAS E/OU ORALMENTE).

TEMA: FAMÍLIA, CASA, ANIMAIS, ALIMENTOS, ZONA RURAL E URBANA,...


AVALIAÇÃO:
Os alunos serão avaliados no desempenho das habilidades e competências utilizadas nas atividades escritas e orais.



Um artigo do Gabriel Chalita para refletirmos sobre o valor do respeito ao ser humano. O texto é baseado na história do Patinho Feio.

O Patinho Feio e o valor do respeito

Quem não conhece a história do Patinho Feio? Quem nunca sofreu ou ao menos se comoveu com sua trajetória de sofrimento apenas por ser considerado feio e estranho aos seus?

A riqueza da história de Hans Christian Andersen reside na capacidade de nos tocar profundamente, de despertar em nos o sentimento de amor ao próximo, de solidariedade e de respeito as diferenças. Na história, como na vida real, o preconceito de cor, gênero, credo ou  classe social, prescinde de lógica e de racionalidade para se estabelecer.

Não há alegação plausível, nem por parte dos intolerantes, a capacidade de refletir sobre a importância do outro como peça fundamental no jogo  social. Um jogo que necessita das relações de troca, de amizade e de aprendizado que vem da convivência pacífica entre todos, independentemente da origem ou da história de cada um.

Seja em casa ou na escola, temos o dever de orientar nossas crianças para a aceitação do outro, para a compreensão de que condutas preconceituosas só colaboram para a degradação das relações e da sociedade como um todo. A mensagem de Andersen é clara: a despeito das experiências dolorosas, temos de continuar acreditando em nós mesmos e também nos outros, mesmo que, a princípio, pareçam tão diferentes. Temos de acordar para o fato de que todos podemos ser como cisnes belíssimos, prontos para aproveitar a primavera e para viver uma vida pacífica e digna. A responsabilidade é nossa.

Diz Gabriel Chalita: Devemos estar conscientes da importância de nosso papel de amparar, reerguer, reavivar os sentimentos, valores e atitudes que poderão renovar a confiança em dias melhores. Que essa consciência seja uma realidade e um estímulo a vocês, companheiros de jornada, colegas de cena neste teatro fabuloso que é a escola da vida.


(Fonte: Revista Profissão Mestre)
_____________________________________________________



O PATINHO FEIO - 3º ano
 

            Era verão quando nasceu o Patinho Feio. Surgiu de dentro de um ovo tão grande 
que todos pensaram tratar-se de um ovo de peru que por acaso caíra num ninho de pata.
            _ Que pato mais feio! - ouvia ele quando sua mãe o levava pelo quintal. [...].
O Patinho Feio sentia-se tão infeliz e malquisto que resolveu fugir. 
Atravessou os campos e encontrou alguns patos selvagens. 
            _ Como você é feio! - disseram-lhe também.
            Mas aceitaram sua companhia, contanto que jamais se casasse 
com uma pata selvagem. [...] Decidiu partir novamente, aceitando um convite 
dos gansos que o chamavam para voar.
            _ Você é feio demais! - comentaram os gansos. - Você é tão feio que 
acabamos gostando do seu jeito.
Mas, antes que o Patinho Feio alçasse vôo, seus novos amigos foram mortos por caçadores e ele se viu só mais uma vez. [...]
Quando chegou a primavera, cansado e triste, o Patinho Feio avistou as 
aves mais  lindas  que já encontrara na vida. Eram cisnes que nadavam num rio. Aproximou-se e, pela primeira vez, olhou para as águas e viu seu reflexo.
 Descobriu que era um cisne como eles.
    Por um instante lembrou-se do tempo em que era maltratado e perseguido.  
Depois, moveu as asas que brilhavam sob o sol e, também  pela primeira vez, 
sentiu-se feliz.

(Recontada por Marcelo Coelho. Vice-versa ao contrário
Companhia das Letrinhas, 1993.).

ATIVIDADES

1 –  * Qual é o título da história?____________________________________
2 –  * De que o texto fala?_______________________________________
3 –  * Quando começa a história?________________________________
4 –  * Por que o patinho resolveu fugir?___________________________
5 –  * Quem ele encontrou primeiro?_____________________________
6 –  * Quem o chamou para voar?_______________________________
7 –  * Quem eram as aves lindas que nadavam num rio?_______________
8 –  * O que o patinho descobriu?________________________________
9 –  * Como termina a história?________________________________
10     – Quem recontou essa história?_________________________

11 –  Qual é o principal personagem da história?______________________
12   – Leia a primeira frase do texto.
13   – Leia a última frase do texto.

2 –  Completar:
    
a)       Essa história começa no _____________e termina na _______________ .

b)      Quando o patinho fugiu, primeiro ele encontrou os _________________, 
          depois os ______________________ e, por fim, os ______________.

3 -    A quem se refere a palavra ele, na 3ª linha?_________________________

4 -      A - Se ao invés de infeliz e malquisto (4ª linha) o autor tivesse escrito 
tr          triste e rejeitado o sentido da frase teria mudado?  
              Por quê?_________________________________
B –  E se ao invés de maltratado e perseguido (penúltima linha) o autor tivesse escrito
          bem tratado e acolhido o sentido da frase teria mudado?
        Por quê? ____________________________________________________.

C – Na 7ª linha o autor escreveu: “Mas aceitaram sua companhia, contanto que jamais
 s     se casasse com uma pata selvagem”. Se ele tivesse escrito: “Mas aceitaram sua  
       companhia, desde que se casasse com uma pata selvagem”, o sentido da frase
         teria mudado? Por quê?
__    _____________________________________________________.

5)    Qual a causa de o patinho feio sentir, pela primeira vez, que era feliz?
           ___________________________________________________________

           Trabalhar com as quatro palavras destacadas (tais palavras são formadas                                          por três tipos de estrutura silábica – CV (consoante/vogal) como pa e     
         CCV (consoante/ consoante /vogal) como pri e CVC (consoante/vogal/ consoante)
           como cis e com).
          
-               Ler as palavras várias vezes            
                 Formar novas palavras começadas com   Cis e com 
                _________________   _____________________   _____________
                _________________   _____________________   _____________                        
                   Partir as palavras em sílabas.

  
-              Formar novas palavras terminadas por   ra  e te
          ______________    _________________    __________________
          ______________      ________________     __________________                                       
                           
       - Propor atividades para que os alunos percebam outras palavras que rimam 
         com as palavras destacadas: 
Ex    :      pato/gato; convite/bilhete; primavera/pantera; cisne/Line

                       
      Sequência Didática: PATINHO FEIO  -

  2° Ano do Ciclo da Alfabetização

I –     Atividades de compreensão e valorização da cultura escrita, de desenvolvimento 
d        da fluência em língua oral e leitura e interpretação de textos.
                    
           Material:        Cartaz com o texto para ser colocado no quadro;
                        Textos xerocados para cada aluno;
                        Fichas com palavras retiradas do cartaz;
                        Fichas das silabas das palavras destacadas.

1º           1º  Passo: ativação dos conhecimentos prévios dos alunos a respeito do gênero
               textual que será trabalhado: conto de fadas.

2º        2º  Passo: atividades de língua oral. Perguntar aos alunos sobre o gênero 
               conto de fadas: quem conhece algum, de quais contos eles se lembram,
              quem conta essas histórias para eles, se as histórias aconteceram de verdade, 
ou        não.      Durante o trabalho com o desenvolvimento da fluência em língua oral, 
          cuidar para  que os alunos falem um de cada vez, que aguardem sua vez de falar, 
que     respeitem a opinião do colega.

              3º  Passo: Leitura em voz alta e exploração do texto.

A -    Apresentar o texto, deixando que os alunos o explorem, verificando a ilustração,
 o     titulo,  na   na tentativa de descobrir de que o texto falará (qual será o seu tema). 
I         incentivar os alunos a  lerem algumas partes do texto, ou mesmo palavras isoladas 
ne     le contidas. Verificar quem recontou essa história, de qual livro foi retirada, em que
ano o livro foi escrito.

B -   O alfabetizador deverá ler o texto em voz alta (apontar as palavras com a régua)
 e pedir aos  alfabetizandos que acompanhem a leitura individual e coletiva, mesmo 
que levem algum  tempo para decifrar o código escrito, centrando sua preocupação
 na busca do significado.
C -      Propor várias perguntas orais, relativas ao texto, para que os alunos
 identifiquem parte do mesmo:

4º        4º  Passo: atividades escritas de leitura, para os alunos que já lêem textos.

III – Atividades de produção de texto   
             Após a leitura do texto “O patinho feio” e sua exploração, tanto oral, 
        quanto escrita, pode-se sugerir que os alunos recontem outras histórias de fadas. 
A       proposta será a montagem de uma coletânea, ou portfólio, onde os textos serão 
         colecionados e lidos pelos  outros alunos da escola.             
O             reconto poderá ser feito de três maneiras:  
1º )   Caso as crianças ainda não estejam escrevendo com desenvoltura, 
a          professora lerá o conto de fadas para elas e será sua escriba; posteriormente,
os          alunos copiarão o   reconto ditado por eles e escrito pela professora no quadro.
2º)   A alfabetizadora lerá a mesma história para a classe e cada aluno 
fará o seu reconto.
3ª)   Cada aluno lerá um conto de fadas diferente e, em seguida, fará o 
seu reconto.
                     Para a produção do texto, os alunos deverão saber:
            - O que escrever? Um reconto. (gênero textual)
                          - Para quem? Para os colegas lerem. (interlocutores)
                             - Para quê? Para montarem uma coletânea de recontos para serem               
       lidos pelos   colegas. (propósitos/objetivos)


 

Um comentário:

Anônimo disse...

Muito boa a sequência didática vou usa-la com minha tumar

DIA D 2014 SUGESTÕES

MENSAGEM: FALAR COM DEUS

MENSAGEM PARA REUNIÃO PEDAGÓGICA

FLEXIBILIZAÇÃO CURRICULAR